Os indicadores de produtividade têm influência direta nos resultados e na qualidade dos serviços da sua empresa. O acompanhamento desses números pode evitar retrabalhos, esforços desnecessários e investimentos com baixo retorno. Esse é um direcionador das ações e dos projetos executados pelos seus times. Diante disso, é importante alinhar essas métricas com os objetivos corporativos por meio da governança e gestão de TI.

Gerar produtos e serviços com eficiência, sem perda da qualidade, é um verdadeiro desafio. Isso reforça a relevância de contar com processos bem definidos e condizentes com as metas do seu negócio. A gestão de riscos pode ser uma aliada nessa demanda. Ficou interessado no assunto? Então, conheça agora os 4 principais indicadores de produtividade e aprenda a acompanhá-los. Boa leitura!

O que são indicadores de produtividade?

O termo indicadores de produtividade é uma tradução para KPIs (Key Performance Indicator). Trata-se de indicativos numéricos do desempenho de uma certa atividade. Essa técnica é uma aliada dos gestores nos processos de tomada de decisão, tendo em vista que traduz em números os resultados das ações e dos esforços das equipes. Vale lembrar também a importância de uma visão holística dos processos de negócios.

Os relatórios de TI usam muito os indicadores de produtividade para mostrar à alta administração a viabilidade de investir em novas tecnologias. Com isso, consegue-se ter mais controle sobre os resultados dos projetos e os recursos humanos alocados. Um indicador consegue mensurar com mais precisão todas essas informações.

Veja, agora, os indicadores essenciais para o seu negócio.

1. Indicadores de capacidade

Esses números medem o quanto se consegue produzir em um intervalo de tempo pré-definido. Trata-se de uma medição relevante que se aplica também aos serviços de suporte de TI. Nesse caso, consegue-se mensurar quantos atendimentos um colaborador é capaz de realizar em uma tarde, por exemplo.

Com isso, é possível promover uma automação de TI de acordo com a realidade da sua empresa e as demandas dos seus clientes.

2. Indicadores de qualidade

Os indicadores de qualidade traduzem o quanto um consumidor está satisfeito com os serviços ou produtos entregues. Nessa situação, é importante ter o máximo de dados possíveis sobre as preferências, requisitos e demandas dos seus clientes. Trata-se de uma coleta de informações que pode gerar mais escalabilidade e inteligência operacional para o seu negócio.

3. Indicadores de competitividade

Esse indicador é um comparativo dos resultados da sua empresa com a concorrência. Pode-se utilizar o market share para identificar quais fatias do mercado o seu negócio consegue atender.

Trata-se de um instrumento que pode encorajar benchmarkings com os players de destaque e gerar insights relevantes para as suas equipes. Essas medições podem também induzir ajustes na forma de precificação dos serviços ofertados aos clientes.

4. Indicadores de lucratividade

O indicador de lucratividade permite analisar o lucro líquido obtido em um período e adequá-lo à realidade do seu negócio. Nesse caso, é importante identificar quais são os itens, produtos e serviços com maior impacto no orçamento da sua empresa. É relevante também prever despesas para imprevistos e gastos extras. Esse esforço traz mais clareza para os tomadores de decisão.

Enfim, os indicadores de produtividade conseguem traduzir em números o andamento das operações da sua empresa. Vale reforçar a importância do acompanhamento contínuo desses resultados para tomar medidas corretivas a tempo.

Muito bem, agora você já conhece os 4 principais indicadores de produtividade relevantes para o seu negócio. Gostou do texto? Então, confira também este artigo sobre as tecnologias para aumento da produtividade.

Luís Montanari
Autor

Especialista em Marketing e Vendas para Empresas de TI e MSPs. Sou pai da Helenna e da Cecília, Comunicólogo, Marketeiro e Vendedor. Além de um profundo apaixonado por tecnologias e boas cervejas. Tenho mais de 10 anos de experiencia em vendas e gestão de pessoas, sendo os últimos 8 dedicados ao mercado de Tecnologia e Serviços de TI. Ao longo dos últimos anos, me especializei no mercado MSP e ajudei dezenas de empresas à redesenharem seus serviços e suas ofertas. Atuo como líder dos times de Marketing, Pré-vendas e Vendas da ADDEE SolarWinds MSP, trabalhando para transformar Empresas de Suporte em verdadeiros MSPs! #SaaS #InsideSales #Inbound #Sales #Marketing #RMM #Backup #Gestão #SPIN #BANT #B2B #MSPsummit #souMSP #TransformacaoDigital

Escreva um comentário

Share This