fbpx

A transformação digital tem como um de seus pilares a computação em nuvem. Ao contrário do que muita gente pensa, quando falamos em cloud computing não estamos nos referindo a um sistema único, em bloco, já que ele se subdivide em nuvem pública, privada e híbrida.

As nuvens públicas e privadas são bastante disseminadas, mas e a híbrida, você conhece? Sabe quais são as vantagens de criar um backup com esse tipo de nuvem?

Neste post, vamos entender melhor o que é nuvem híbrida, suas vantagens em relação aos outros modelos, além de percebermos como o backup em nuvem pode ser o diferencial que a sua empresa necessita para ter mais escalabilidade. Confira!

O que é nuvem híbrida?

A nuvem híbrida, como o próprio nome sugere, é a combinação de uma nuvem privada com uma nuvem pública. Para que seja feita a integração, é necessário que haja um ou mais pontos de contato entre os ambientes.

O objetivo aqui é fazer a combinação de serviços e dados, oriundos de uma variedade de nuvens, para que possa ser criado um ambiente de nuvem unificado e automatizado. Já está cada vez mais sólido que a definição de nuvem corporativa se dá pela combinação de serviços públicos com nuvens privadas e um centro de dados híbrido, colocando esse modelo como uma forte tendência.

Entre as principais vantagens da nuvem híbrida podemos destacar:

  • maior controle, pois a empresa continuará a manter uma infraestrutura privada para armazenar os seus ativos confidenciais;
  • mais flexibilidade, com o gestor podendo usufruir da nuvem pública sempre que necessitar de recursos adicionais;
  • melhor custo-benefício, já que a empresa, ao utilizar a escalar de recursos da nuvem pública, pagará apenas pelo que utilizar;
  • transição facilitada — a migração pode ser feita de forma gradual, passando as cargas de trabalho ao longo do tempo.

Quais são os benefícios do backup em nuvem híbrida?

A possibilidade de fazer backups periódicos e pagar apenas pelo armazenamento utilizado, sem ficar com servidores ociosos, é outro benefício da utilização da nuvem híbrida. Mas como estamos falando de um processo muito importante, separamos um tópico para mencionar suas vantagens. Confira!

Escalabilidade

O backup em nuvem permite que empresas de todos os portes adotem essa prática de segurança, sendo que estamos falando de um ambiente elástico e de fácil escalabilidade, ou seja, permite a atuação de empresas com movimentos sazonais.

Centralização dos dados

A nuvem permite a padronização dos arquivos e rotinas de backup, promovendo a centralização dos dados. Nesse cenário, sempre que for necessário acessar os dados armazenados, eles estarão uniformes e com fácil acesso. Além disso, a centralização de dados favorece a mobilidade, já que é possível acessar as informações em qualquer dispositivo.

Automação do backup

Essa talvez seja uma das grandes vantagens da adoção da nuvem para os backups, pois a automação reduz a margem de erros nesse processo. Com o auxílio de uma ferramenta de gestão de backups o profissional poderá programar os horários específicos para que os backups sejam feitos de forma periódica, garantindo a execução do procedimento e liberando o profissional de suporte da execução repetitiva dessa atividade rotineira.

Esperamos que, após a leitura deste post, você tenha entendido o que é nuvem híbrida e sua importância para a transformação digital. Além disso, esse ambiente é propício para a otimização dos backups, garantindo a escalabilidade e a automação desse processo.

Quer começar a fazer backup em nuvem híbrida e automatizar o processo? Conheça a ferramenta da ADDEE e inicie hoje mesmo.

Rodrigo Gazola
Autor

Com muitos anos de experiencia em TI, trabalhando 24 horas por dia, 7 dias por semana, dá aula sobre excelência em workaholic. Apesar de ser especialista em MSP, adora quando o assunto é backup. Rodrigo esbanja bom humor (diz a lenda que seu segredo é cerveja, churrasco e Rock'N'Roll) e é o mais ativo daqui, já até pensou em rodar o mundo em cima da sua bike.

Escreva um comentário

Share This