fbpx

A padronização de processos é um item obrigatório para a redução dos custos operacionais. Trata-se de uma necessidade dos gestores de ter mais controle sobre as rotinas e procedimentos relevantes para o negócio. Essa é uma estratégia interessante para alcançar o compliance em TI e otimizar o trabalho das equipes. Diante disso, é interessante explorar um pouco mais as tecnologias de apoio.

No decorrer dos anos, percebeu-se que a falta de processos padronizados gerava muito retrabalho e desperdício de esforços. Com isso, onerava-se as equipes com tarefas e atividades repetidas e ineficazes. Dentro desse contexto, vale a pena dar uma olhada no case de sucesso da Sltech.

Ficou interessado no assunto? Então, confira agora como o uso de tecnologias pode auxiliar na padronização de processos na sua empresa. Boa leitura!

O que é a padronização de processos?

Consiste em um conjunto de boas práticas para a execução mais otimizada dos processos relevantes do seu modelo de negócios. A ideia é criar templates de trabalho para que as equipes consigam trabalhar com mais autonomia e rapidez. Com isso, evita-se a concentração de conhecimentos em apenas uma pessoa específica. As atividades padronizadas criam um caminho bem definido sobre como alcançar as metas de negócio com mais efetividade.

O mote da padronização de processos é a redução dos custos operacionais. Diante disso, explorar os indicadores de performance pode ser interessante para escalar seu negócio. Assim, cria-se mais previsibilidade para a solução de problemas futuros. Vale reforçar também a importância de uma comunicação transparente entre as partes interessadas e os principais agentes envolvidos. Vamos agora conhecer os passos necessários para padronizar os processos da sua empresa.

Definição do objetivo

Uma padronização de processos efetiva requer objetivos claros, específicos e mensuráveis. Com isso, é relevante também alinhar as metas de cada processo com as expectativas e demandas da governança e gestão de TI. Essa comunicação integrada evita ruídos e informações desencontradas entre as áreas de negócio.

Mapeamento de processos

Com os bem definidos, parte-se para a identificação e mapeamento dos processos mais críticos do negócio. A ideia é levantar com as pessoas de interesse quais são os fluxos de informações, atividades, rotinas e capacidades técnicas relevantes para o alcance dos objetivos institucionais. Todo esse esforço contribui para uma boa gestão de riscos.

Investimento em capacitação

Os processos mapeados dão ao gestor um diagnóstico sobre as principais competências e habilidades das equipes. Desse modo, consegue-se descobrir quais áreas e atividades precisam de uma capacitação técnica. A ideia é treinar os recursos humanos e estimular uma cultura de melhoria contínua dentro da empresa. Nesse contexto, explorar um pouco mais o tema automação de relatórios pode ser interessante para a comunicação com a alta gestão.

Melhorias continuadas

Os processos padronizados geram mais previsibilidade para o seu negócio. Assim, pode-se acompanhar mais de perto aquelas tarefas problemáticas e as demandas críticas. Com o tempo, rotinas de melhorias continuadas são criadas para eventuais problemas em processos específicos. Tudo isso contribui para a maturidade organizacional.

Enfim, a padronização de processos é uma demanda crítica dos modelos de negócios. Diante desse cenário, é importante contar com as tecnologias corretas para evitar custos e investimentos desnecessários. Conhecer as ferramentas de automação de TI da ADDEE pode ser uma opção interessante para a sua empresa.

Agora você já conhece os aspectos mais relevantes sobre padronização de processos. Gostou do artigo? Então, entre em contato com a ADDEE pelo e-mail contato@addee.com.br ou pelo número 0800 761 2812 e veja como podemos agregar valor e tecnologia ao seu negócio. O seu feedback é muito importante para nós!

Luís Montanari
Autor

Líder dos times de Vendas e Marketing da ADDEE e pai de duas lindas meninas. Graduado em Comunicação Social e apaixonado por vendas, política, tecnologia e cervejas. Trabalhando para transformar Empresas de Suporte em verdadeiros MSPs!

Escreva um comentário

Share This